[ editar artigo]

Alter do Chão vota em quem?

Alter do Chão vota em quem?

Nessas eleições municipais vamos decidir quem vai chefiar o poder executivo da Prefeitura de Santarém e, também, escolher um grupo de 21 representantes para atuar na Câmara Municipal, no poder legislativo da cidade. Será que neste mandato teremos alguém em defesa das pautas de Alter? As eleições estão logo aí e os eleitos serão nossos representantes por quatro longos anos. O Boto enviou perguntas para as pessoas com candidatura na vila. São cinco moradores/as concorrendo para cargos de vereança, um candidato não quis responder à imprensa local. No final da reportagem, veja também propostas das candidaturas concorrendo à Prefeitura que parecem ser relevantes para Alter do Chão. 

 

As candidaturas de moradores de Alter para a Câmara Municipal

Está mais do que na hora que Alter eleger alguém daqui, representante de Alter do Chão, Borari! Nessa questão –para variar– não falta consenso na comunidade, todos concordam. É preciso eleger uma pessoa de Alter para representar os interesses locais. O trabalho na Câmara Municipal, o poder legislativo do município, é o trabalho político que afeta a população mais diretamente. É na Câmara que são criadas leis municipais para aprovar ou vetar ações propostas, além de também ser de responsabilidade dos camaristas a fiscalização das receitas e das despesas do município. Ou seja, a Câmara tem o papel de ver como e em que nosso imposto está sendo empregado, para garantir que está sendo devolvido em forma de serviços para a população pagante.

O BOTO enviou as mesmas perguntas para os cinco moradores da vila que estão com candidatura para concorrer à vaga de vereança nas eleições de 2020. Veja abaixo as respostas. Os candidatos aparecem em ordem alfabética.

Fotos Susan Gerber-Barata, comício da candidata Maria de Carmo a prefeitura no bairro Nova União, Alter do Chão

 


[PROPOSTAS] Por favor, fale para a comunidade por que se considera a pessoa indicada para o cargo e por que merece nosso voto?


André de Alter do Chão, nome de batismo André Luiz Teixeira da Silva

Partido PT, partido da esquerda, se coloca como candidato da classe trabalhadora mocoronga. Além disso, é comprometido com a causa animal e a defesa irrestrita do meio ambiente. 

As propostas de André para vereador ainda estão sendo elaborados. 

  • Pretende construir um canil/gatil, castração de todos os animais via PPP e com o curso de veterinária da UNAMA.   

Carlos Santos

Partido Democratas, DEM, Democratas, partido centro-direito, que defende um modelo conservador liberal. O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder. Também não quis compartilhar suas propostas para a vila.

Jorginho Borari

Partido PSOL, que defende uma renovação profunda. O candidato aposta com sua juventude, seu sobrenome Borari e quer mostrar que política novamente pode dar esperança. Seu partido se posiciona como uma alternativa para o eleitor de esquerda, que era tradicional do PT. 

As propostas de Jorginho para vereador são:

  • Lutar pelo imediato concurso público para todas as áreas;
  • Organizar o ordenamento portuário em Alter;
  • Lutar para a inclusão da matéria História de Santarém no ensino fundamental;
  • Quer oferecer qualificação profissional permanente na área de turismo e hotelaria em Alter do Chão ;
  • Criar uma escola de Artes;
  • Reflorestar a ilha de Amor;
  • Lutar para passagem de ônibus da vila para o preço de Santarém.

Piau de Alter do Chão, nome de batismo Jarlison Santos Silva

Partido PTC, Partido Trabalhista Cristão, partido do centro-direita. O candidato se vê como pessoa conciliadora e com bom trânsito entre todas as classes. Assumindo a candidatura, vestiu a camisa de Alter com o firme propósito de trazer para a comunidade de Alter todos aqueles benefícios que hoje são tão difíceis ou impossíveis de alcançar.

As propostas de Piau para vereador são:

  • Ser o primeiro vereador de Alter do Chão e com isso trabalhar em prol da vila e trazer os benefícios merecidos para a comunidade.
  • Trabalhar para a união da vila, o diálogo e a transparência
  • Lutar para o prédio do ensino médio em Alter do Chão
  • Trabalhar para implementar uma guarda/polícia de turismo na vila.

Val Alter, nome de batismo Valdelice Pereira 

partido PSL, Partido Social Liberal, posicionado à direita do espectro político. A candidata trabalha em prol de melhorias para todos e enfatiza que Alter do Chão precisa de cuidados que somente os nativos/as da vila podem propor e tocar para frente.

As propostas da Val para vereadora são: 

  • Projeto de lei para incluir um psicólogo nas escolas municipais para acompanhamento dos alunos no decorrer do ano letivo.
  • Implantação de uma escola de ensino médio no Distrito de Alter do Chão para atender também comunidades Ribeirinhas e Eixo Forte.
  • Projeto de Valorização dos profissionais de educação Municipal e criação de um programa Municipal de incentivo ao Esporte.
  • Lei municipal que visa identificar o corretor de imóveis e registro profissional (CRECI) na escritura do Imóvel, coibir o exercício ilegal da profissão e a valorização da mesma.
  • Combater a Grilagem de terra preservando a segurança jurídica dos compradores e vendedores junto com um projeto para Regularização Fundiária Urbana.

 


[APA ALTER DO CHÃO] Existe uma pendência para fazer o Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental (APA) Alter do Chão há 17 anos que infelizmente até agora não foi feito. O que pretende fazer a respeito?


André de Alter do Chão

Vê como dever a luta para que a lei da APA, das áreas de proteção ambiental, seja implementada e municipalizada.

Carlos Santos

O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder

Jorginho Borari

Propõe se empenhar muito para solucionar o impasse no qual a APA se encontra até hoje, deixando claro que são muitos interesses dos mais diversos envolvidos que devem ser conciliados.

Piau de Alter do Chão

Considera a aprovação da APA fundamental que para os filhos e netos da comunidade possam também usufruir as belezas naturais daqui no futuro. Vê, para tirar a APA do papel, como primeiro e importante passo criar consciência na comunidade sobre a sua necessidade. Pretende procurar o diálogo com todos os envolvidos para depois lutar para aprovar a APA.

Val Pereira

Propõe se empenhar para mudar a situação humilhante e buscar o melhor para todos. Enfatiza que Alter não pode esperar até os governantes decidirem entre propostas bem distintas como Alter ser uma APA, uma área indígena ou simples bairro de Santarém.

 


    [ESPECULAÇÃO IMOBILIÁRIA] Alter está com dois novos prédios sendo erguidos no Lago Verde que mudarão para sempre a paisagem característica da vila. Como encara essa questão?


    André de Alter do Chão

    Mostra que já existem mecanismos na legislação e lutará que essa lei seja cumprida como, por exemplo, exigir estudos de impacto de vizinhança, e outros mecanismos legais e com isso Alter conseguirá mitigar os impactos e até impedir essa especulação imobiliária.

    Carlos Santos

    O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder

    Jorginho Borari 

    Luta por progresso mais sustentável. Vê claramente uma especulação imobiliária desenfreada na vila e percebe que muita gente é levada a acreditar que tais empreendimentos trazem somente progresso para Alter, negando que trazem também inúmeros problemas. Por exemplo, o lixo gerado e possíveis assoreamentos dos Lagos Verde e Carauari. 

    Piau de Alter do Chão

    Consta que a comunidade nem foi consultada nem envolvida na aprovação do plano diretor. Em consequência disso, a comunidade se vê confrontada e impactada quando licenças são dadas e os prédios já estão em construção. Quer lutar para que a comunidade tenha acesso às estudos de impacto preliminares e antes que construções de grande impacto saiam do papel.

    Val Pereira 

    Diz que consta que o povo de Alter do Chão é conhecido nacionalmente e internacionalmente como povo acolhedor e guardiões da floresta. Dessa maneira a especulação imobiliária é para um lugar paradisíaco, mas ela vê a questão com cautela, já que existem muitos projetos bons para a vila.


      [QUEIMADAS] No tempo seco acontecem queimadas ilegais na vila e na savana. O órgão responsável, a SEMMA, só pode ser consultada nos horários de expediente. Quais soluções apresenta para combater esse problema?


      André de Alter do Chão

      A SEMMA deveria, como todo o órgão municipal, atender o público devidamente. Para os casos dos incêndios está propondo de trabalhar para Alter do Chão ganhe uma brigada de incêndio com plantão 24 horas, composta por bombeiros civis ou brigadistas.

      Carlos Santos

      O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder

      Jorginho Borari 

      Vê como "dever de Borari" lutar para o bem das terras dos seus ancestrais, os Boraris, e com isso pretende como vereador fiscalizar muito melhor o desempenho dos órgãos estaduais e municipais responsáveis.

      Piau de Alter do Chão

      Está propondo lutar para conseguir uma central telefónica a serviço da comunidade de Alter do Chão que funciona igual um Disque-Denúncia. Mas acha igualmente importante de trabalhar na prevenção e conscientização da comunidade para evitar queimadas e fazer cumprir a lei.

      Val Pereira 

      Acha que, infelizmente, temos uma secretaria de Meio Ambiente inoperante. Sendo eleita, pretende trabalhar para que a SEMMA consiga mudar e melhorar o seu trabalho, fazendo o efetivo e mais promissor.

       


      [INSTABILIDADE ENERGIA/INTERNET] A vila sofre com situações de falta de energia e de internet. Como pretende resolver essa questão?


      André de Alter do Chão

      Considera a falta de energia é um problema estrutural e pretende, sendo eleito, convocar os responsáveis para melhorar e resolver a questão, além de propor alternativas como a chegada da internet 5G e energia fotovoltaica, pelas quais quer incentivar uma discussão para um programa público para unir as duas tecnologias.

      Carlos Santos

      O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder

      Jorginho Borari 

      Pretende iniciar um trabalho de fiscalização dos órgãos e até mostrar para os consumidores descontentes como poderiam procurar os seus direitos.

      Piau de Alter do Chão

      Consta que esses são problemas estruturais antigos e está propondo, sendo eleito, lutar para melhorias. Além disso pretende sugerir que seja mantida nos fins de semanas uma equipe da empresa responsável na vila para resolver tanto esses problemas quanto da iluminação pública.

      Val Pereira 

      Consta que de fato a demanda para energia e internet é muito mais alta nos fins de semana e datas comemorativas, um problema antigo e conhecido, mas acha que é possível de resolver o impasse. Em respeito a internet precária, coloca que não só Alter está sofrendo com isso, e pretende criar dispositivos de lei que possam incentivar empresas desse segmento a investir mais na vila.

       


      [ESGOTO] Alter do Chão será contemplado com um sistema de coleta e tratamento de  esgoto, o que é uma boa notícia. Acontece que o projeto de implementação escolhido pode trazer impactos para a vila. Como pretende enfrentar esse desafio?


      André de Alter do Chão

      Vê as estações de tratamento de esgoto, ETE como grande benefício para a comunidade e o meio ambiente. Sendo eleito quer lutar para fiscalizar se a sua execução esteja feita dentro das normas técnicas.

      Carlos Santos

      O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder

      Jorginho Borari 

      Sendo eleito, propõe fazer essa obra tão importante com o devido cuidado que a vila merece, sem ser "em três porradas". Propõe exigir da COSANPA reuniões com as lideranças da vila para detalhar toda a implementação da obra. Além disso, propõe a instalação de um grupo de especialistas independentes com o dever de fiscalizar e procurar soluções com a comunidade durante o andamento das obras.

      Piau de Alter do Chão

      Vê a implantação do saneamento um exemplo de como a companhia encarregada simplesmente não conseguiu comunicar a obra à comunidade. Está com receio que a comunidade novamente se veja posta em frente de fatos consumados. Pretende, sendo eleito, mudar essa situação, propondo e procurando o diálogo com todos os envolvidos, além de fiscalizar o andamento da obra.

      Val Pereira

      Não vê sentido na pergunta. Alter merece o melhor sistema de esgoto que possa existir e agradece para essa conquista que com certeza trará mais benefícios do que problemas para vila, mesmo que algumas ruas deverão ser interditados durante o trabalho da implementação. Para ela prevalece o ganho com o desenvolvimento da vila.

       


      [POLUIÇÃO SONORA] O mesmo órgão que emite o alvará de autorização para festas é o órgão fiscalizador. Todo fim de semana, a polícia tem que ser adicionada contra a poluição sonora devido ao volume fora de todos os limites. Quais soluções está propondo para combater esse problema?


      André de Alter do Chão

      Vê claramente que o turismo sustenta a vila de Alter do Chão, uma indústria que vive das atrações naturais exuberantes da terra e com isso pretende, sendo eleito, apostar na educação ambiental, lutando para aprovar uma lei incentivando essa educação.

      Carlos Santos

      O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder

      Jorginho Borari 

      Propõe procurar o diálogo e trabalhar para estabelecer parcerias, especialmente porque faltam decibelímetros para um trabalho de fiscalização da perturbação do som mais efetivo. Com isso pretende depois poder cobrar melhor a execução da lei.

      Piau de Alter do Chão

      Concorda que a poluição sonora não combina em nada com o turismo, ganha-pão da vila. Sendo eleito quer criar um tipo de guarda/fiscal ou polícia com plantão nos fins de semanas e feriados que podem prevenir e atender necessidades dessa natureza. Aposta aqui também no diálogo e na conscientização da população.

      Val Pereira

      Discorda da pergunta. Ela acha que o turismo unicamente traz economia para a vila, principalmente para aqueles que migraram para Alter em busca de qualidade de vida. Vê certos problemas com órgãos públicos fiscalizadores não comprido o seu dever. Basta fazer cumprir a lei o que será a sua proposta sendo eleita.

       


      [LIXO] O turismo predatório é muito responsável por poluição e lixo deixado na vila e nas praias. Como vê essa questão e quais são as soluções propostas?


      André de Alter do Chão

      Enfatiza que lixo e natureza intacta não se entendem e quer, sendo eleito, lutar para a educação ambiental e a implementação da coleta seletiva na vila de Alter do Chão. Quer decidir em audiência pública qual a melhor forma de se fazer a coleta seletiva, apostando na participação popular para mitigar os atuais impactos ambientais.

      Carlos Santos

      O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder

      Jorginho Borari 

      Enfatiza que pode falar da situação contribuindo com experiências próprias. Educação, enfim, deveria já começar em casa. Trabalha na praia e relata que já presenciou como turistas ao deixar para trás o seu lixo na mesma praia reagiram muito mal, quando lhes foi chamado atenção. Aposta na educação e bons exemplos que devem influenciar e melhorar não só Alter, mas Santarém como todo também.

      Piau de Alter do Chão

      Vê a questão do lixo nas praias e na vila com uma questão urgente e aposta aqui também, sendo eleito, no diálogo e na conscientização da população. Além disso, pretende propor a criação de um tipo de guarda/fiscal ou polícia com plantão nos fins de semanas e feriados que podem prevenir e incentivar a população de não poluir a natureza. Acha que deve começar em sensibilizar o turismo interno. Pretende procurar parcerias para disponibilizar muito mais lixeiras tanto nas praias quanto no terminal.

      Val Pereira

      Para ela não existe turismo predatório. Existem pessoas mal educadas, mal informadas que se tornam turistas predadores. Acha, sendo eleita,  que vai trabalhar para implantar e fortalecer campanhas com treinamento direcionados e quer continuar na educação do morador e visitante quanto ao manuseio do lixo.

       


      [NATUREZA PRESERVADA] Aquilo que no curto prazo pode ser lucrativo, no longo prazo pode trazer consequências que afastem o turismo: o lixo, a poluição e a destruição da natureza são exemplos.   predatório é muito responsável por poluição e lixo deixado na vila e nas praias. Como pretende prevenir isso?


      André de Alter do Chão

      Concorda que destruímos ou deixamos destruir a natureza exuberante do local, estaremos matando a galinha de ovos de ouro e aposta tudo, sendo eleito na educação ambiental pela qual pretende criar uma lei.

      Carlos Santos

      O candidato recebeu e leu as perguntas, mas infelizmente não quis responder

      Jorginho Borari

      Concorda que todo o conjunto tem que melhorar e logo. Por isso a única aposta dele e do seu partido é um desenvolvimento sustentável. Só isso segurará que também futuras gerações podem usufruir de natureza intacta. 

      Piau de Alter do Chão

      Sendo eleito como vereador de Alter do Chão, coloca também nessa questão a vila em primeiro lugar. Apostará na conscientização da comunidade, no diálogo com todas as camadas de moradores para fazê-los enxergar que só um turismo sustentável é viável em longo prazo. Pretende, sendo eleito, procurar soluções limpas e sustentáveis específicos para a vila.

      Val Pereira

      Discorda e fala que esses problemas acontecem em qualquer lugar no Brasil. Na opinião dela, a praia da Ilha do Amor sofre com uma falta total de organização e respeito para com os visitantes, mesas e cadeiras não podem ficar dentro da água. A sua aposta são pesadas campanhas e treinamento para reeducar a população e conseguir mudar o quadro. E termina com a fala: Talvez um dia nossas crianças aprendam que a natureza merece respeito.


      Promessas para Alter do Chão das candidaturas à Prefeitura de Santarém


      Para terminar, um pequeno apanhado da visão dos concorrentes à Prefeitura e sobre o que os seis candidatos e a candidata pretendem fazer especificamente para Alter do Chão. Novamente, as candidaturas aparecem em ordem alfabética.

      Jesson da Silva Santos

      Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB), conservador e direita, com o lema “Novo de Verdade”. Traz a cabo Katiane de Aguiar Rocha, uma mulher como vice. Coloca os temas Educação, Saúde e Infraestrutura no início das suas propostas.

      Sobre Alter do Chão, quer investir no

      • “nosso maior cartão postal, organizando junto com os comunitários e/ou com os Grupos Socioculturais Tucuxi e Cor de Rosa, eventos no período pré e pós Sairé, buscando manter viva as tradições Borari.”
      • “apoiar os grupos ecológicos que promovem no verão a limpeza das praias e buscar implantar nas barracas que exploram a venda de comida nos balneários a exigência de limpeza diária de seu espaço de trabalho.”

      João Nazaré Pingarilho Neto

      Partido Social Cristão (PSC), direita, com o lema: “Pra Santarém funcionar” - coloca peso em Educação, Saúde e Segurança pública. A vice é a Enfermeira Daniela Batista da Silva.

      Sobre Alter do Chão,  que aparece no quesito Turismo e Meio Ambiente, ele quer:

      • realizar a reabertura do Centro de Atendimento ao Turista (CAT) em Santarém e Alter do Chão”;
      • criar estratégias de combate ao desmatamento no território municipal e combater as queimadas ilegais e investir em alternativa a destinação de lixo em Santarém (lixão do Perema), além de implantar a coleta seletiva de lixo iniciando pela sede municipal.

      Maria do Carmo 

      Partido dos Trabalhadores (PT), esquerda, vice Bruno Luiz Lacerda Figueiredo, lema - "Santarém do meu coração!" - coloca toda a sua proposta a um novo começo pós-Covid, começando com educação e saúde. Destina um item inteiro do seu plano a Alter do Chão.

      Sobre Alter do Chão,  ela propõe:

      • fomentar a instalação de linha de micro-ônibus com ar condicionado no trecho Aeroporto Alter-Aeroporto em certos horários e meses;
      • realizar estudo para implementação de vias de pedestre com pavimentação diferenciada e circuito interno de ciclovias.
      • ordenar áreas de estacionamento durante os finais de semana. 
      • promover campanha e fiscalização da SEMMA em parceria com Conselho Comunitário e Administração da Vila para combate e prevenção de poluição sonora;
      • proibir equipamentos de som na Ilha do Amor, balsas, lanchas e outros veículos náuticos estacionados;
      • reestudar locações e infraestrutura de pontos de venda de alimentos e comidas típicas no entorno da Praça Sete de Setembro, em Alter.
      • privilegiar arranjos produtivos e de comercialização comunitários de forma a otimizar o uso dos espaços físicos do centro da vila, a exemplo do Mercado.
      • modernizar as estruturas de cozinha que se estabeleceram nas barracas destinadas à venda de doces e salgados no entorno da Praça.
      • criar condições para a utilização de equipamentos de envasamento mecânico e higienizado para os alimentos vendidos nas vilas.
      • realizar Festival de Cinema de Alter do Chão sob coordenação de um Conselho Gestor formado por organizações locais, municipais e do Poder Público Municipal, com parcerias externas.

       

      Nélio Aguiar da Silva

      Democratas (DEM), centro-direita, conservadorismo-liberal, atual prefeito,  que está tentando a reeleição, vice Zé Maria Tapajós, lema: "Nélio fez e vai fazer bem mais!" - Coloca a Saúde antes da Educação.

      Sobre Alter do Chão,  tem um único ponto:

      • "Lutar pela implantação da Companhia de Policiamento Turístico em Alter do Chão."

       

      Ney Santana 

      Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), centro, vice Rosivaldo da Silva Colares, lema – “Um novo tempo para Santarém”, inicia as suas propostas com Gestão, Educação e Saúde.

      Não constam propostas específicas para Alter do Chão.

       

      Paulo Barrudada

      Partido Social liberal (PSL), direita, conservador liberal, vice Paulo Roberto Paz Batista. Propõe melhor Educação, Saúde e Segurança pública.

      Sobre Alter do Chão,  tem um único ponto:

      •  "Incentivar e promover a regularização fundiária no Polo Turístico do Tapajós (Alter do Chão/ Belterra/ Mojuí dos Santos), com vistas a ampliar a segurança de investimentos."

       

      Valdir Matias Jr.

      Partido Verde (PV), centro-esquerda, vice Ricardo Augusto Marinho de Alencar, lema - "Gestão eficiente, sustentável e inclusiva" - também prioriza nos seus10 eixos que prometam conduzir o seu mandato:  " Acesso à saúde pública de qualidade,  Turismo e Educação.

      Não apresenta plano específico para Alter do Chão, mas está propondo: "O turismo dever ser encarado como atividade econômica estratégica pelo município para geração de emprego e da renda e pretende fazer capacitação massiva de empreendedores e trabalhadores na área do turismo. Promete que Sustentabilidade seria crucial para o desenvolvimento do município. Trabalhará pela implantação de um sistema moderno de gerenciamento dos resíduos sólidos com tratamento adequado do lixo tratando o mesmo como uma fonte de geração de renda e energia (economia circular), com coleta seletiva e destinação correta.

      Todas as propostas podem ser acessadas no link: 

      http://divulgacandcontas.tse.jus.br/divulga/#/municipios/2020/2030402020/05355/candidatos


       

      O BOTO - Alter do Chão
      Susan Gerber-Barata
      Susan Gerber-Barata Seguir

      Suíça com passagem por design e jornalismo de moda. Apaixonou-se tardiamente pelo Brasil e mais tarde ainda pela Amazônia, especialmente a culinária amazônica. Cozinha, escreve e fotografa livros, uns sobre culinária amazônica.

      Ler conteúdo completo
      Indicados para você