[ editar artigo]

Igarapé do Cucurunã é soterrado por obra na Rodovia Everaldo Martins

Igarapé do Cucurunã é soterrado por obra na Rodovia Everaldo Martins

A PA-457 (Rodovia Everaldo Martins) que liga Santarém a várias comunidades do Eixo Forte e também a Alter do Chão está em obras. O projeto foi orçado no valor de R$ 11 milhões, pago à empresa ETEC ENGENHARIA, um milhão a mais do prometido pelo prefeito para resolver as questões de saneamento da vila de Alter do Chão. Mesmo muito bem paga, a população não está vendo uma obra muito bem planejada, fiscalizada e executada. A ETEC está causando um estrago desnecessário por onde passa: além de muito desmatamento, um dos igarapés na comunidade do Cucurunã está sendo soterrado por cimento e pedra.

POR SHITARA RITIELLE

Em uma das vezes que parei para ver o que estavam fazendo com o Igarapé, perguntei a um dos responsáveis sobre aquela obra e as respostas que tive para todas minhas perguntas foram curtas e grossas: "Estamos em obras". Perguntei também ao funcionário se ele entendia o que estava fazendo ao igarapé. Fui ignorada com a mesma resposta anterior.

São 11 milhões de reais! Vamos fazer as coisas bem feitas! Será preciso destruir toda a paisagem natural do caminho que liga Santarém à vila? Onde está o planejamento, a fiscalização ambiental e controle de qualidade da obra? - perguntou Alexandre Prze.

Em uma outra vez passando pelo local para tirar essas fotos e denunciar, encontrei uma comunitária que estava passeando com seus cães. Ao se deparar com a situação do igarapé, levou um susto.

A comunidade não está informada sobre como será feita a obra. Quando perguntam por que estão destruindo o igarapé, se não há outro caminho, são igualmente ignoradas.

 

TAGS

Denúncia

O BOTO - Alter do Chão
O BOTO
O BOTO Seguir

O BOTO é o jornal comunitário de Alter do Chão, em Santarém/PA, e região. Os repórteres, fotógrafos e colunistas são moradores. Os assuntos são escolhidos pelos próprios colaboradores.

Ler matéria completa
Indicados para você