[ editar artigo]

Como assim, não pode entrar, prefeito?

Como assim, não pode entrar, prefeito?

Boa noite meu povo,

Eu poderia estar aqui para fazer um discurso de ódio, mas na verdade é um desabafo. Após nossa manifestação em relação a UBS de Alter do Chão (que recebe 1% de recursos faz pelo menos seis meses), fomos chamados para uma reunião no gabinete do prefeito. A reunião foi marcada às 17:00 horas e lá já estavam os "sub-prefeitos" de Alter do Chão - que dizem representar a comunidade.

Como todos vocês sabem há uma distância de Alter para Santarém, tem toda uma questão de deslocamento, horário de ônibus e tudo mais. Chegamos no horário certo, a reunião começou as 18:46, mas nós não participamos, não pela nossa vontade, na verdade não nos deixaram entrar, a comunidade que esteve no protesto não teve participação alguma na reunião, ficaram onze pessoas e eu esperando em média trinta minutos por um esclarecimento. A única coisa que saia do gabinete eram seguranças, com medo que 8 mulheres e 3 homens invadissem o ninho do prefeito. Estávamos ali esperando respostas porém a única coisa que deram pra gente foi as seguintes palavras " Não vão mais entrar!". É, realmente foi uma grande lição, a lição de não confiar mais em pessoas que dizem ser nossos representantes, pessoas que até então diziam estar ao nosso lado, mas o dinheiro e o poder corrompem tanto que seus valores acabam transbordando com as palavras falsas que saem de suas bocas.

Obrigada pela recepção e pela consideração de falar depois de meia hora que não íamos mais participar da reunião!

#AltersemSUS #resistência #prefeitomedico #UBSsemremedio #nãonosrepresenta #comoassimnãopodeentrar #teprepara #saúdedireitodetodos #cadêoprefeito? #SOSsaúdeAlter

 

O BOTO - Alter do Chão
O BOTO
O BOTO Seguir

O BOTO é o jornal comunitário de Alter do Chão, em Santarém/PA, e região. Os repórteres, fotógrafos e colunistas são moradores. Os assuntos são escolhidos pelos próprios colaboradores.

Ler matéria completa
Indicados para você