[ editar artigo]

ALTER DO CHÃO: O FUTURO É AQUI Como sair na frente e retomar o turismo de forma segura

ALTER DO CHÃO: O FUTURO É AQUI
Como sair na frente e retomar o turismo de forma segura

De acordo com informações do Ministério do Turismo o setor sofreu um impacto de mais de 80% em suas atividades. Milhares de empresas estão paradas e outras milhares acabaram encerrando suas atividades.

Essa é uma realidade também em Santarém. Uma pesquisa realizada no final de 2019 revela que desde 2018 a busca por Santarém como refúgio turístico vem aumentando e consequentemente também cresce o número de empresas ligadas ao segmento. São guias, empresas de turismo, restaurantes, lanchonetes, lojas de artesanato, empresas de traslados, aluguel de carros, transporte fluvial, entre muitos outros que compõem a cadeia turística da região e que se depararam com a pandemia, com a dificuldade de acesso a crédito e políticas públicas que os amparasse nesse momento delicado.

Com tudo isso o impacto será irreversível, mas sim, há saídas para que Alter do Chão consiga se reerguer e retomar a sua crescente curva do turismo em um menor período, mas para isso será necessário um esforço conjunto.

Das centenas de pesquisas que estão sendo realizadas no Brasil e no mundo, uma coisa é unanime: a necessidade de lazer e descanso, da quebra de rotina, de viagens curtas, do contato com a natureza e a busca por novas experiências, como as gastronômicas, seguirão. Ponto para Alter do Chão!

A questão agora é reinventar o como.

É aí que entra a urgência em iniciarmos o trabalho que readequação. Para isso, os estados, através das Secretarias de Turismo, estão disponibilizando protocolos baseados em boas práticas e legislação sanitária com medidas a serem adotadas por todos os segmentos, seja hotel, pousada, restaurantes, lanchonetes, catraias, lanchas, barcos, táxis, vans, barracas de lanches, área de circulação comum e por aí vai.

Pois será preciso conquistar a confiança do consumidor que provavelmente só retornará se sentir segurança tanto em garantias de medidas de saúde pública e de prevenção robustas.

Então, é hora de arregaçar as mangas e buscar informações. Traçar o plano para o seu negócio. Implementar as ações. E, por fim, divulgar amplamente para que todos saibam que o seu negócio está pronto e seguro para recebê-los!

O BOTO - Alter do Chão
Ler conteúdo completo
Indicados para você