'); Falta temperar com mais feminismo isso aí! - O BOTO - Alter do Chão
[ editar artigo]

Falta temperar com mais feminismo isso aí!

Falta temperar com mais feminismo isso aí!

Toda mulher que trabalha como cozinheira já deve ter recebido palmas e elogios pelo seu primoroso trabalho. No entanto, pouco ou nenhum reconhecimento como chef de cozinha, inclusive salarial, mesmo que além de cozinhar seja também a responsável pelo cardápio, pela distribuição das tarefas e por todo processo da boa gastronomia onde trabalha. Por mais que se dedique é quase sempre lembrada que seu lugar na cozinha é de cozinheira, ainda que atuem como chef! Pouquíssimas conseguem reverter essa lógica tão sedimentada na nossa sociedade. Por que isso acontece?

"Semiótica na Cozinha", 1975 - Martha Rosler (acima); dona Palmirinha Onofre (abaixo)

Há, sem dúvida, uma ideia persistente estruturada na nossa sociedade de que o papel de autoridade e liderança é melhor desempenhado pelos homens. Quem nunca ouviu à famosa frase: "Homem pensa com a cabeça, mulher pensa com o coração"! Em outras palavras, a mensagem da frase é a que mulher só serve para tarefas com pouco ou nenhum compromisso de liderança, pois sempre será "mole" no trato com a equipe, nunca terá "o pulso firme necessário", afinal, "pensa com o coração".

"Casa andante", 1974 - Laurie Simmons (acima); Não se esqueca de que, para preparar uma receita, o primeiro ingrediente é o amor - Dona Zica na exposição "Ocupação Cartola", Espaço Itaú Cultural (abaixo)


Além disso, a sociedade sempre desprezou o trabalho do lar, como trabalho. Portanto, cozinhar, lavar e cuidar das crianças sempre foram tarefas e obrigações das mulheres em casa. Já o homem que realiza essas funções é valorizado por estar fazendo algo além de suas obrigações. Em resumo as mulheres estão apenas seguindo o curso natural destinado à elas socialmente, no prolongamento das funções domésticas.

serie Interiores, 1976-77 - Laure Simmons (acima); Tabuleiro das Baianas do acarajé (abaixo)

Os homens sempre foram aceitos nas cozinhas fora de casa como autoridades, pois estão realizando "um trabalho de sustento" importante pois gera dinheiro. O cozinhar masculino é trabalho fora de casa, o feminino é obrigação do lar. Se colocarmos uma lente de aumento no termo "chef de cozinha" e buscarmos o que de fato significa essa função veremos que é a pessoa profissional que administra a cozinha criando pratos, elaborando cardápios, atuando na preparação dos alimentos direta ou indiretamente, gerenciando a equipe, liderando todo processo e se responsabilizando pelos resultados. Esse ou essa é chef da cozinha!

Melaw Nakehk’o  - Resilience and Resistance, 2015 - Kali Spitzer (acima); História da Arte da Cozinha Mineira por Dona Lucinha (abaixo)

 

Tanto mulheres como homens podem desempenhar essa tarefa com sucesso, afinal responsabilidade, ética, criatividade e boa mão pra cozinhar são qualidades além gênero. Hoje assistimos uma verdadeira luta feminina por reconhecimento na gastronomia, seja nos restaurantes de alto luxo, seja na preparação e pratos simples do dia a dia, nos restaurante mais populares e igualmente importantes.

"Entrevidas", 1981 -Anna Maria Maiolinio

Afinal se a saúde começa pela boca, ou seja está diretamente ligada ao alimento e seu preparo saudável, a capacidade de assumir responsabilidades e fazer a boa gestão da cozinha é o que realmente importa. Não é por acaso que historicamente os profissionais da saúde valorizam a boa alimentação, que pode estar no requinte do prato altamente sofisticado, ou no pf da esquina! Mas isso só acontece se o responsável for um ou uma" chef de respeito".

"Garota Macaroni', 1968 - Yayoi Kusama; Tapioca Maria Bonita (abaixo)

Precisamos nos rever em valores sociais que separam e julgam por coisas que em nada importam para o bom desempenho profissional. Uma sociedade mais justa começa pela mudança de atitudes arcaicas e pela consciência da importância da diversidade....afinal diversidade é poder, dentro e fora da cozinha!

Julia Child






O BOTO - Alter do Chão
Siriá Vegetariano e Vegano
Siriá Vegetariano e Vegano Seguir

Nosso restaurante é um espaço cultural com a proposta de unir saberes e sabores regionais à gastronomia vegetariana e vegana, com foco na saúde e no bem viver.

Ler conteúdo completo
Indicados para você